Lusquiños fala em motivação extra após pódio em Curitiba



Gabriel Lusquiños chegou a Curitiba no fim de semana passado buscando somar pontos importantes para a temporada 2021 da Stock Light. E conseguiu. Com o oitavo lugar na corrida 1 e o terceiro, na segunda prova, o carioca somou 31 pontos e teve a quinta maior pontuação do fim de semana.


Embalado pelo resultado, ele começa analisando a quarta etapa da seguinte maneira: "O fim de semana passado foi bem desafiador, mas recompensador, ao final. Eu sabia que a gente teria um grande desafio por conta da temperatura baixíssima lá em Curitiba, especialmente para esquentar os pneus, mas eu não achava que seria tão desafiador assim. O comportamento do carro mudou muito entre as sessões. A gente até tinha feito um treino livre 2 bom, mas o carro mudou muito para o classificatório e isso acabou prejudicando a gente para o quali. Acabamos largando de nono."


Lusquiños afirma que tinha, por outro lado, pontos a seu favor. Foi a partir daí, ainda na primeira prova, que pôde dar início rumo ao pódio da corrida 2. "Eu sabia que tinha um ritmo bom, até pelos treinos e pelo próprio ritmo que eu fui desenvolvendo durante a corrida. Então eu sabia que se eu chegasse entre os 10, nono, oitavo ou até décimo, para largar na frente no dia seguinte, conseguiria imprimir um bom ritmo. Acabou que por tentar ainda achar um acerto bom para esta temperatura fomos por um caminho diferente para a corrida 2. O carro não ficou do mesmo jeito que estava no dia anterior, mas conseguimos segurar no braço esse pódio, o que para mim é muito especial porque depois de três etapas, com inúmeras adversidades, o pódio veio para ser um divisor para o resto do campeonato", afirma.


De olho na quinta etapa, que também será realizada em Curitiba, mas desta vez no anel externo, Lusquiños garante chegar com "uma motivação extra" por conta do resultado recente. As corridas serão neste sábado e domingo, com transmissão ao vivo do BandSports.


Fotos: Bruno Terena e Duda Bairros